Plano de aula: Identificando palavras que rimam

Plano 4 de 5. Veja todos os planos sobre Investigando palavras e sonoridades!

m>

2

Compartilhe com o grupo que, como ideia de hoje é brincar com as palavras, você registrou a letra da parlenda “Hoje é domingo” em um cartaz. Apresente o cartaz ao grupo e fixe-o em um local que seja possível a visualização por todos. Proponha uma recitação coletiva, só que, dessa vez, acompanhe com o dedo o ritmo da leitura. Após a leitura converse com o grupo sobre o texto. Instigue-o a buscar onde se inicia o primeiro verso, onde termina, do que fala essa parlenda, dentre outras questões presentes no texto. A ideia é ajudar as crianças a identificarem a sequência de palavras e ações apresentadas, bem como a estrutura do texto em versos. Busque encorajá-lasem suas investigações e potencialize para que arrisquem seus palpites.

m>

3

Ainda com o grande grupo, compartilhe com as crianças a estrutura das parlendas, dizendo que são pequenos versos repetitivos e rimados. Investigue junto ao grupo o que elas conhecem sobre rimas. Incentive as crianças a encontrarem algumas rimas, lançando perguntas que as desafiem a relacionarem e organizarem as ideias a respeito do entendimento das rimas. Uma boa ideia seria engajar um grupo em uma brincadeira de rimas com os nomes das crianças. Você pode iniciar essa brincadeira e depois pedir que as crianças façam o mesmo. Acolha a brincadeira e as estratégias que elas trazem. Observe que o importante, nesse momento, é encorajar que elas compartilhem suas hipóteses sobre rimas, mesmo que tenham equívocos como, por exemplo, dizer que Pedro combina com peixe (indicando que começam igual).

m>

4

Explique às crianças que, para continuarem o desafio de encontrarem rimas, elas terão que se reunir em pequenos grupos com, no máximo, quatro integrantes. Organize a formação dos quartetos considerando os conhecimentos de escrita das crianças. Conte que, a partir de agora e para a atividade, você irá acompanhar um grupo por vez e que preparou uma proposta para aqueles grupos que não estiverem com você realizar com autonomia. Ao fim de cada grupo, faça a troca de atividades. Entregue duas fichas de cartolina para o grupo que ficou com você e oriente as crianças para que escrevam duas palavras que o grupo considere que rimam. Pondere que é importante indicar que as crianças podem se apoiar no texto escrito no cartaz. Solicite que dialoguem com os colegas para decidirem as hipóteses que irão considerar, justificando entre si as escolhas. Observe como o grupo está construindo duas hipóteses de escrita e apoie-o, conforme a estratégia que traçou mediante o conhecimento acerca da escrita que as crianças têm. Apoie essas construções e oportunize questões que as ajudem a reorganizarem ou avançarem em suas hipóteses. Assim que os grupos considerarem que finalizaram o desafio, propicie a troca de atividade e inicie a escrita de duas novas palavras com o novo grupo, atentando-se às estratégias previamente traçadas por você.


Para finalizar:

Após todos os grupos terem escrito suas palavras, reúna as crianças no grande grupo e peça que compartilhem com todos as palavras encontradas. Neste momento, engaje as crianças a pensarem sobre as palavras escolhidas, convidando-as a dizerem, por exemplo: “Qual parte dessas palavras rimam? O que elas têm de parecido? Vamos falar em voz alta essas duas palavras para verificar se rimam?”

Após essa brincadeira reflexiva, retome o cartaz da parlenda para verificar com o grupo se todas as palavras que rimam no texto foram encontradas. Convide as crianças para circularem no texto as palavras que rimam. Nesse momento, busque apoiá-las, observando suas estratégias e fomentando que uma criança ajude a outra. Considere que não há problema se alguma palavra ficou de fora nesse momento. Caso essa seja uma realidade, considere voltar em outros momentos na parlenda, oportunizando que as crianças voltem e/ou construam novas hipóteses acerca de seus pensamentos no campo da escrita.

Desdobramentos

Você pode realizar essa atividade com outras parlendas, poemas e poesias, ou trazer o desafio de encontrar as rimas de outra maneira. Escreva o texto da parlenda no cartaz sem as palavras que rimam, ou seja, com os versos incompletos e deixe um espaço que seja adequado para a inserção das palavras que faltam. Prepare fichas com as palavras que estão faltando e as disponha para o grande grupo. Leia os versos e peça às crianças que identifiquem qual par de palavras o completaria. Procure utilizar essa diversidade de gêneros textuais no dia a dia e não esqueça de, sempre que possível, mostrá-los em seu portador.

Engajando as famílias

Prepare com as crianças uma lista de cinco palavras e envie para casa. Comunique as famílias que as crianças estão brincando de descobrir rimas e solicite que os familiares as ajudem a encontrar rimas para as palavras da lista. Compartilhe que as crianças, ao retornarem para a sala com o desafio alcançado, serão convidadas a socializarem com os demais colegas as descobertas. Assim, poderão comparar ou até mesmo descobrir que uma palavra pode ter várias rimas.

Compartilhe:

Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no Facebook Compartilhar no Pinterest

Próximos planos da sequência

Veja outros planos sobre Identificando palavras que rimam.