Plano de aula: Brincadeiras com água

Plano 3 de 5. Veja todos os planos sobre Brincadeiras com materiais de largo alcance!

Alinhado a bncc:


2

Proponha que as crianças escolham uma das estações de exploração para brincar, formando pequenos grupos.


3

Nos primeiros dez minutos, circule entre os espaços, observando a interação das crianças com a proposta.


4

Escolha um dos grupos para observar, aquele acordado previamente com as crianças na grande roda. Observe como as crianças interagem com os materiais, como expressam suas descobertas: estão tocando a água? Estão utilizando mais de um material? O que estão descobrindo? Como estão se surpreendendo? A partir das interações e descobertas das crianças, inicie um diálogo ou entre na brincadeira para cooperar com as experimentações. É recomendado o registro fotográfico e escrito da atividade, a fim de documentar as percepções, interações e descobertas das crianças em relação às mudanças dos materiais, além de suas vivências durante a brincadeira. Para isso, é necessário que você esteja atenta a diálogos, descrições, olhares, entre outras expressões e explorações dos pequenos.

Possíveis ações das crianças:Uma criança na estação de exploração 3 observou o copo do colega com um tom de vermelho bem mais escuro do que o que ela obteve utilizando papel crepom. Ela continua tentando e expressando certa angústia ao não conseguir igualar a cor a do experimento do amigo. O professor poderá se aproximar e incentivar a criança a experimentar diferentes materiais para obter a cor deseja: que material você está utilizando para dar cor na sua água? Será que podemos utilizar outro material vermelho para deixar a cor mais forte? Que material você acha que poderíamos utilizar?


5

Quando estiver chegando ao final da vivência, conte para as crianças que faltam 20 minutos para o fim da atividade e que é hora de todos organizarem os materiais e voltarem à grande roda.


Para finalizar:

Convide as crianças, já acomodadas na grande roda, para compartilhar suas descobertas nas estações de exploração. Você poderá perguntar quais materiais utilizaram,o que descobriram e como a água modificou os materiais.

Desdobramentos

Esta vivência com materiais de largo alcance deve acontecer mais vezes. É essencial a regularidade da interação das crianças com os diversos materiais e experimentações que eles possibilitam, para a construção do aprendizado delas. Além disso, a permanência dessa experiência propicia uma observação mais consistente do grupo. O momento de compartilhamento das experiências, na última grande roda, pode ser registrado pelo professor na forma escrita, criando um grande livro de experimentos das crianças.

Engajando as famílias

Convide as famílias não só para contribuir com os materiais das estações, mas também para continuar os experimentos em casa. Ao fim das atividades com as estações de exploração, escolha alguns dos registros fotográficos e alguma descrição das descobertas das crianças para enviar aos pais, em forma de bilhete ou integrado ao portfólio das crianças. Crie também um painel e uma instalação com os materiais utilizados nas estações e com os registros dos experimentos realizados pelas crianças, bem como suas descobertas.

Compartilhe:

Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no Facebook Compartilhar no Pinterest

Próximos planos da sequência

Veja outros planos sobre Brincadeiras com água.